O poder de um NÃO!

Negar algo a alguém ou a nós mesmos tem um poder que muitas vezes nem imaginamos. Um não bem dado, na hora certa e no momento certo tem uma qualidade excelente de transformar e de mudar as coisas!

Mas não é nada simples falar não! Não mesmo….

Não é legal e nem prazeroso negar alguma coisa a qualquer pessoa. Claro que existem pessoas que sentem um real e um ótimo prazer em dificultar a vida dos outros e dizem não simplesmente por dizer… quanto a isso, só podemos lamentar tal fato.

O poder de um não, que é justamente o negar algo a alguém ou alguma coisa é bem mais que apenas não fazer algo, não quer ajudar alguém, ou como todo mundo pensa, em ser um chato! É um momento onde nos protegemos contra aquilo que me fere.

O não tem a excelente qualidade de parar as coisas! Ele coloca um freio absoluto em qualquer tipo de ação. Sua força está ai, em parar coisas que nos fazem mal, de colocar um limite! Quando dissermos um não verdadeiro e sincero a algo que está nos machucando, então conseguimos dar um passo bem dado em direção ao nosso desenvolvimento…

Dizer não é fundamental ao nosso desenvolvimento mental e espiritual. Ser permissivos e dizer sim para tudo torna-nos, na melhor das palavras, moles e sem posição em decisões reais e que afetam diretamente nossa realidade.

Não precisamos ir longe para encontrar em nossa vida cotidiana, oportunidades para dizer um não bem dado! Não estamos à disposição infinita das pessoas e muitas vezes não estamos a fim de fazer o que a sociedade nos impõem.

Não quero casar e ter filhos, não quero trabalhar em empresas, não quero virar um escravo da balança, não quero ser divertido, não quero falar com aquela pessoa, não quero sair com você, não vou aceitar os gritos e abusos do meu superior

Aceitar ou fazer algo que não se está afim, é a pior agressão que podemos fazer com a nós mesmos. Fazer algo para agradar ou por não conseguir colocar um limite no outro, nos gera mais sofrimento ainda do que se tivéssemos negado desde início!

O problema é que vinculamos o não com aqueles sentimentos negativos, como o ódio, a dor, o sofrimento. Dizer um não quando estamos tomados de dor e quando queremos que isso pare imediatamente é porque deixamos algo chegar a tal ponto que ou negávamos ou algo trágico aconteceria. Para evitar que se chegue a tal ponto, que é extremamente necessário dizer não bem no início, quando percebemos que algo está sim, nos machucando e nos tirando a paz. E isso pode ser pessoas, ações, palavras, coisas e etc.

Viver uma vida sem sofrimento e sem dor é impossível. A todo instante estamos sofrendo injúrias, ofensas e ataques, vindos de todas as direções e de todas as formas possíveis. O que creio que seja muito possível é em compreender esse sofrimento e lidar com ele da melhor maneira possível. E o não nos ajuda nisso muito bem!

Ao negar algo, eu não só nego como coloco um limite aquilo. Sou eu que determino aonde aquilo pode e aonde não pode chegar!

Quando nego algo à mim mesmo eu também me coloco limites. Quando sei que não devo direcionar minha raiva a alguma pessoa, quando escolho não realizar tão ação, quando sei que não darei conta de terminar algo, quando sei que não estou mais amando – então escolho verdadeiramente para me proteger e me preservar como indivíduo.

Dizer um não é muitas vezes dizer sim para nossa existência. Quando eu consigo verdadeiramente frear o outro e dizer – daqui você não passa – é uma experiência muito rica e acima de tudo, necessária!

Dizer NÃO, mais de algo ruim é dizer ao mesmo tempo, SIM à vida!